domingo, 13 de setembro de 2009

El Ateneo Grand Splendid

El Ateneo Grand Splendid
Buenos Aires, Argentina

Eu não leio em espanhol - até já arrisquei alguma coisa, como a biografia do Xul Solar, mas é um processo tão demorado e dolorido que prefiro nem tentar. E fico com uma raiva muito grande de mim mesma por não aprender o idioma direito, principalmente quando sei que em Buenos Aires há livrarias tão boas, como a El Ateneo, com zilhões de títulos interessantes por preços muito mais convenientes do que no Brasil.

A Grand Splendid é a filial chique e lindíssima dessa rede argentina de livrarias. Foi instalada num antigo cinema dos anos 1920 (pelo menos assim diz o blog de livros da revista New Yorker), na avenida Santa Fé, e causa o maior impacto. O lugar, restaurado, mantém a cara de teatro - mais teatro do que cinema atual, pelo menos -, com a diferença de que há livros até nos antigos camarotes. E de que, no palco, funciona um café. A última vez em que estive lá foi no final de 2004, quando quase não havia livros em inglês à venda; era a alternativa ao meu não-conhecimento do espanhol. Uma pena.

8 comentários:

Barros disse...

Posso te dizer que tenho enorme frustração por não ter conseguido dominar o inglês, e olha que já se vão muitos e muitos anos de esforço. Quando tento ler um livro, o desgaste é enorme e muitas vezes tive de desistir. Já quanto ao francês, tenho a certeza de que se tivesse dedicado menos da metade desse esforço, o resultado teria sido muito melhor. Mas como, se hoje só se fala inglês?

Isabel Pinheiro disse...

É, Barros, hoje é bem mais fácil encontrar o que seja em inglês... Francês eu nem tento, estudei pouquíssimo. Mas, olha, se servir como um alento, eu aprendi inglês de um jeito meio autodidata - e ler, com um dicionário do lado (depois com um dicionário inglês-inglês) me ajudou muitíssimo! Um abraço

Sérgio Karam disse...

Vai aprender espanhol, menina! Você não sabe o que tá perdendo!
beijos,
Sérgio

Isabel Pinheiro disse...

Nem me fale, Sérgio. Que vergonha! Um dia, quem sabe? Beijos

rory disse...

Minha primeira vez pelo seu blog, gostei muito. Estive em janeiro no El Ateneo é realmente muito linda. Buenos Aires (BA) em matéria de livrarias é demais. Segundo o Portal Aprendiz, BA tem mais livrarias que o Brasil inteiro. Se você conseguiu aprender inglês de maneira autodidata, aprenderá espanhol facilmente.

Isabel Pinheiro disse...

Oi, Rory, obrigada! Eu também já li em algum lugar sobre essa quantidade absurda de livrarias em Buenos Aires. E estou devendo a mim mesma aprender a ler em espanhol... Um abraço!

Maria Angelina disse...

Na Ateneo sentimo-nos no Paraíso dos Livros.Vale a pena.Se tiverem oportunidade não a desperdicem.

Ana M. M. Pereira disse...

A livraria El Ateneo - Buenos Aires - Argentina funciona no antigo cine-teatro Gran Splendid de Buenos Aires (o "Café" instalado no antigo palco, tem o teto c/ vidro transparente que permite a entrada de luz natural). Estive em B. Aires em 2007, por mais tempo que nas vezes anteriores e pude aproveitar as maravilhosas livrarias de lá. Essa, em especial, é digna de revisitações e, porque não, uma grande motivação para hablar espanhol!!!! Tive a oportunidade de presenciar alguns lançamentos, bate-papos c escritores e conheci Claudia Piñeiro, escritora (Las viudas de los jueves e Elena sabe, lançado durante uma mesa-redonda muito interessante). Algumas fotos estão no meu álbum (orkut). Abraços, Ana Pereira.