segunda-feira, 1 de junho de 2009

Um livro por dia

Um livro por dia
Jeremy Mercer (Casa da Palavra, 2007)

Acho que não li direito as resenhas quando este livro foi lançado, porque a ideia que eu fazia dele era totalmente diferente - achei que se tratasse, mesmo, de uma espécie de diário com todos os títulos que o autor leu, um por dia, durante os quatro meses em que viveu na livraria Shakespeare and Company, em Paris. (Se tem um lugar que eu faço questão de visitar em minha viagem, nos próximos dias, é esse. Quem sabe ainda dá tempo de ler a obra de Sylvia Beach, contando a origem da livraria, antes de partir.)

Fundada por George Whitman em 1951 e batizada em homenagem à Shakespeare and Company original, de Sylvia Beach, essa livraria na margem esquerda do Sena, em frente à Catedral de Notre-Dame, já faz parte do circuito turístico de Paris. É famosa não só por vender milhares de livros em inglês como também, e principalmente, por oferecer hospedagem grátis a estudantes, aspirantes a escritor, jovens poetas e qualquer outro ser intrépido que não tenha dinheiro para viver em Paris e tope morar entre os livros com a condição de arrumar sua cama toda manhã e dedicar algumas horas por dia ao trabalho na loja. Foi o que fez Jeremy Mercer, em 1999, quando saiu do Canadá ameaçado de morte. Por quatro meses, conviveu com gente como Luke, Simon, Kurt, Elina, artistas cada um a seu modo, e virou grande amigo de George.

Não foi uma vida fácil, como atesta Mercer: o único banheiro era nojento e não havia lugar para tomar banho. Os moradores da livraria, geralmente sem um tostão no bolso, contentavam-se com as refeições do restaurante estudantil ou os sanduíches de um bar próximo. Diversão era dividir uma garrafa de vinho sob uma ponte no Sena enquanto cada um contava uma história. Para Mercer, foi um período de aprendizado, o turning point de que sua vida precisava. Ele finalmente virou escritor. E eu estou louca de vontade de ver onde tudo isso aconteceu.

2 comentários:

Monica Loureiro disse...

Este é um dos livros que está na minha lista....

Barros disse...

Me interessou também.